O BRASIL REPUBLICANO: O TEMPO DO NACIONAL-ESTATISMO - DO INÍCIO DA DÉCADA DE 1930 AO APOGEU DO ESTADO NOVO - SEGUNDA REPÚBLICA (1930-1945) (VOL. 2)

O BRASIL REPUBLICANO: O TEMPO DO NACIONAL-ESTATISMO - DO INÍCIO DA DÉCADA DE 1930 AO APOGEU DO ESTADO NOVO - SEGUNDA REPÚBLICA (1930-1945) (VOL. 2)

Autor(es):

Editora:
CIVILIZACAO BRASILEIRA
Código:
70780

De: R$ 99,90 Por: R$ 84,92 À vista: R$ 84,92

Comprar

Disponibilidade sujeito a confirmação em nossas filiais.


O prazo para confirmação de estoque em nossas lojas é de 3 dias úteis + o prazo de entrega da transportadora.




Em caso de indisponibilidade: Prazo para encomenda do produto com nossos fornecedores 20 dias úteis + o prazo de entrega da transportadora.

Disponibilidade sujeito a confirmação em nossos fornecedores.

Calcule o frete e o prazo de entrega:PrazoValor

Segundo volume da mais importante coleção sobre a República no Brasil em edição revista.Nas primeiras décadas do século XXI, temas como democracia, cidadania e República surgem, em diferentes interpretações, como dilema e desafio que a sociedade brasileira enfrenta no cotidiano. Partilhando dessas preocupações, planejamos e organizamos a coleção O Brasil Republicano, em cinco volumes: O tempo do liberalismo oligárquico (edição revista), O tempo do nacional-estatismo (edição revista), O tempo da experiência democrática (edição revista), O tempo do regime autoritário (edição revista) e O tempo da Nova República(volume inédito). Este segundo volume da coleção O Brasil Republicano trata da Segunda República. O ano de 1930 terminou com uma revolução e um governo provisório. A partir daí, vários projetos políticos disputaram o poder no país. Os mais atuantes e influentes na época tentaram se impor, recorrendo às armas, mas foram derrotados: os liberais em 1932, os comunistas em 1935 e os integralistas em 1938. O Governo Constitucional cedeu lugar à ditadura do Estado Novo. O governo Vargas incentivou a industrialização do país, patrocinou uma política cultural que encontrou receptividade entre artistas e intelectuais e elevou os trabalhadores à condição de personagens centrais do regime. Em 1945, no apagar das luzes do regime autoritário, o país era outro.Reúne textos de: Angela de Castro Gomes, Dulce Chaves Pandolfi, Fábio Koifman, Lúcia Lippi Oliveira, Marcos Chor Maio, Maria Antonieta P. Leopoldi, Maria Celina D'Araujo, Maria Helena Capelato, Marly de Almeida G. Vianna, Monica Pimenta Velloso, Rachel Soihet e Roney Cytrynowicz.

Código de barras:
9788520013588
Dimensões:
2cm x16cm x23cm
Edição:
9
Marca:
CIVILIZACAO BRASILEIRA
ISBN:
8520013589
ISBN13:
9788520013588
Número de páginas:
406
Peso:
520 gramas
Encadernação:
BROCHURA
  • Nome do Autor